top of page
Buscar
  • indaiatubapibi

O caminho de volta para o Éden


De acordo com o relato bíblico do Genesis, o Éden foi o jardim plantado por Deus para o homem. A palavra significa “deleite”. Tratava-se de um lugar de extrema beleza, que provia com abundância ao ser humano tudo o que ele precisava.


Entretanto, o homem rebelou-se contra o Bom Deus, e o afrontou dando ouvidos à serpente que colocou dúvidas sobre o caráter de Deus.


As consequências foram trágicas: Corrupção na natureza humana; Quebra do relacionamento com Deus; Quebra do relacionamento com o semelhante; O Juízo de Deus.


No fim de tudo, para que não tivesse mais acesso à arvore da vida (Gn 3.22) e vivesse eternamente em condição de rebeldia, Deus expulsou Adão e Eva do Éden. A perda do relacionamento com Deus, ocasional em perda do lugar de deleite.


É curioso que, depois de tantos milênios, o ser humano ainda continua em busca do caminho de volta para o Éden. Note que eu disse “caminho de volta para o Éden”. Eu não disse “caminho de volta para Deus”. Sim, o ser humano vive em busca do deleite, da felicidade. A busca da felicidade é a busca pelo Éden perdido. Fazemos isso o tempo inteiro por meio do amor romântico, da realização profissional, do sexo, do dinheiro, etc.


Todavia, a busca pelo Éden perdido é uma busca pelo deleite, mas sem o Deus do Éden. Queremos o deleite que o Criador pode nos dar, mas sem Ele. Isso porque continuamos em rebeldia, desconfiamos de Seu caráter.


O problema é que não existe Éden sem Deus! Não existe deleite, felicidade, realização, plena satisfação, sem o Criador.


Sendo assim, é impossível voltar para o Éden, porque é impossível voltar para Deus.


Qual a solução? Não é irmos até o Éden. A solução é Deus vir até nós. O Criador vir até o lugar de expulsão, de dor, angústia, sofrimento e morte.


E Ele fez isso! Ele se fez homem e habitou entre nós, em nossa morada de exílio!


Jesus Cristo veio e assumiu a nossa dor, a nossa morte, para nos levar de volta para Deus. É por isso que Ele disse: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai a não ser por mim.” (Jo 14.6).


Jesus é a prova final e completa de que a serpente era mentirosa. Deus é totalmente Bom, e infinitamente amoroso!


E o Éden? Por meio de Jesus Cristo, somos reconciliados com o Criador e podemos desfrutar agora, de plena satisfação e deleite, mesmo ainda estando no exílio.


Mais! Reconciliados com o Criador, seremos conduzidos em breve para o lugar que Ele nos preparou. Este lugar não é mais um jardim, mas uma cidade. Lá, o Senhor nos enxugará dos olhos toda lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem lamento, nem dor (Ap 21.4). Nessa cidade teremos novamente acesso à árvore da vida e viveremos por toda a eternidade com o Senhor (Ap 22.2).


Sendo assim, pare de procurar o Éden! Arrependa-se de sua rebeldia contra o Bom Deus e, por meio da confiança na morte e ressurreição de Jesus Cristo, receba o perdão que Ele te oferece.


pr. Nelson Galvão

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


Post: Blog2 Post
bottom of page